Acabou a espera: Apple anuncia os AirPods Pro Eles custarão US$250 nos Estados Unidos e R$2.250 no Brasil

Confirmando inúmeros rumores dos últimos dias, a Apple acaba de anunciar os AirPods Pro — e, como esperado, eles entram como um novo membro da “família”, trazendo cancelamento ativo de ruídos e uma promessa de som superior ao modelo normal.

O design final é bem dentro do que havia vazado recentemente, ou seja, estamos falando de fones de ouvido do tipo intra-auricular (com uma parte que entra no canal auditivo). Na caixa do produto, haverá três tamanhos diferentes — pequeno, médio e grande — da ponta de silicone, que por si só já proporciona um bom isolamento acústico.

“Os AirPods são os fones de ouvido mais vendidos no mundo. A experiência de configuração com um toque, som incrível e design icônico o tornaram um produto Apple admirado e, com os AirPods Pro, nós estamos levando a mágica adiante”, disse Phil Schiller, vice-presidente sênior de marketing mundial da Apple. “Os novos AirPods Pro intra-auriculares trazem um som sensacional com equalizador adaptivo, são bem confortáveis com pontas flexíveis e trazem inovadores modos de cancelamento ativo de ruído e transparência. Nós achamos que consumidores vão amar essa nova adição à família AirPods.”

Imagem frontal dos AirPods Pro

A Apple diz que o novo design dos AirPods Pro não só proporciona maior conforto, como traz um novo sistema de ventilação para equalizar a pressão que é comumente sentida em outros fones de ouvido intra-auriculares. Eles são, também, resistentes a suor e água (classificação IPX4).

A tecnologia de cancelamento ativo de ruído dos AirPods Pro usa dois microfones combinados a um software avançado que trabalha em tempo real analisando o ambiente onde a pessoa se encontra. Essa análise ocorre 200 vezes por segundo, segundo a Apple.

Mulher usando os AirPods Pro no metrô

Numa situação oposta, quem estiver num ambiente que necessite de atenção pode ativar o modo transparência — o qual mantém a reprodução de música ou chamadas nos AirPods Pro, mas capta todo o som à sua volta (muito indicado para quem usa os fones andando na rua, por exemplo). Alternar entre os dois modos é bem simples: basta pressionar e segurar a “perninha” dos AirPods Pro, o que também pode ser usado para controlar a reprodução de faixas ou atender ligações.

O system-in-package (SiP) dos AirPods Pro tem o chip H1 no seu núcleo, sendo ele o cérebro de funcionamento de toda a tecnologia embarcada no produto — incluindo estar sempre ouvindo o comando “E aí, Siri”, uma das novidades que chegou há alguns meses com os AirPods de segunda geração.

A Apple promete a “mesma ótima autonomia de bateria” dos AirPods, isto é, 5 horas de reprodução de músicas. Com o cancelamento ativo de ruídos ativado, serão 4h30 de reprodução e até 3h30 de conversação. O estojo de recarga sem fio deles proporciona até 24h extras de reprodução ou 18h de conversação. E, vale notar, o cabo incluso com o produto é agora Lightning para USB-C.

Além de tudo isso, a Apple diz que os AirPods Pro terão uma espécie de teste para o usuário determinar qual o tamanho da ponta de silicone mais adequado para a sua orelha e eles suportam, obviamente, o recém-lançado recurso de compartilhamento de áudio. Com o iOS 13.2, eles passarão a ser capazes de anunciar e ler mensagens à medida que chegarem.

AirPods Pro ao lado de iPhone 11 Pro com ajuste de volume

Aliás, falando no iOS 13.2, ele é requerimento mínimo para os AirPods Pro — ou seja, a atualização deverá ser liberada em algum momento entre hoje e esta quarta-feira. O mesmo se aplica ao iPadOS 13.2, ao watchOS 6.1, ao tvOS 13.2 e ao macOS Catalina 10.15.1.

Os AirPods Pro chegarão ao mercado internacional nesta quarta-feira (30/10), por US$250 nos Estados Unidos. Os preços dos modelos anteriores não foram alterados: US$160 para os AirPods de segunda geração e US$200 para os AirPods de segunda geração com o estojo de recarga sem fio (que é vendido à parte por US$80).

No Brasil, já temos também preço definido para os AirPods Pro: R$2.250 (mas, por ora, eles estão indisponíveis para compra pois provavelmente terão de ser homologados pela Anatel). Os preços dos anteriores também não foram alterados: R$1.350 para o normal e R$1.680 para o modelo com estojo de recarga sem fio.

A Apple já divulgou um comercial dos AirPods Pro:

Infelizmente, não foi agora que a Apple nos trouxe AirPods com múltiplas opções de cores. Eles continuam disponíveis apenas em branco, mesmo. 🤷🏼‍♂️

Posts relacionados

Comentários