Rumores: iPhones de 2020 com tela “ProMotion” de 120Hz; produção do novo iPhone SE começará em janeiro

Os rumores simplesmente não param. Já falando de 2020, o DigiTimes informou que os iPhones, pela primeira vez, terão uma tela com a mesma taxa de atualização variável dos iPads Pro, com até 120Hz (recurso que a Apple chama de ProMotion). Mas com uma grande diferença: nos iPads, temos displays LCD1, enquanto que no iPhone temos OLED2 — de acordo com os rumores, todos os iPhones de 2020 terão telas OLED.

Na prática, isso significa que teremos animações muito mais suaves, uma rolagem da tela muito mais precisa, conteúdos em vídeo mostrados com precisão independentemente dos quatros por segundo utilizados na gravação (24, 48 ou 60), entre outras coisas.

Atualmente, os iPhones têm telas de 60Hz. No mundo Android, alguns aparelhos já passaram essa barreira e trabalham com telas de 90Hz, como o recém-lançado Google Pixel 4; o ASUS ROG, por sua vez, foi o primeiro a incorporar uma tela OLED de 120Hz.

Novo iPhone SE

Já falamos bastante aqui também do possível novo iPhone SE, que viria com uma estrutura física muito similar à do iPhone 8. Agora, o analista Ming-Chi Kuo (que reconhecidamente tem ótimos contatos na linha de produção da Apple) informou que a segunda geração desse modelo especial do iPhone entrará em produção em janeiro, a fim de ser lançado em março.

iPhones SE em todas as cores voando

A primeira geração do iPhone SE foi lançada justamente em março (de 2016); além disso, março fica bem no meio do ciclo de lançamento dos smartphones da Apple, o que é ótimo para dar uma sobrevida às vendas.

Segundo Kuo, esse novo aparelho terá uma tela de 4,7 polegadas, o chip A13 Bionic, 3GB de RAM3, opções de 64GB e 128GB para armazenamento e botão de Início (com Touch ID). Ele viria nas cores cinza espacial, prateada e (PRODUCT)RED e seguiria a linha atual, descartando o 3D Touch.

Para completar, o analista acredita que o dispositivo terá um design de antena feito de LCP4, a fim de facilitar a eficiência da transmissão; outras fontes da cadeia de produção apostam que a LG será a fornecedora das telas de LCD.

Com uma tela um pouco maior do que a de 4 polegadas (do antigo iPhone SE), pode ser que muitos fiquem decepcionados com esse novo formato. Ainda assim, a previsão de vendas de Kuo gira em torno de 2-4 milhões unidades por mês; o novo iPhone SE custaria a partir de US$399 nos EUA.

O nome, por sua vez, não necessariamente será “iPhone SE” ou “iPhone SE 2”. Como sabemos, a Apple adora inventar nessas horas e não seria nenhuma surpresa vemos algo como “iPhone 8s” ou “iPhone 9”.

·   •   ·

Veremos o que virá por aí…

via 9to5Mac, MacRumors

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários