Centenas de desenvolvedores acordaram em um pesadelo na semana passada, quando vários apps tiveram suas avaliações apagadas da App Store. A “varredura” atingiu apps de gigantes como Google, Microsoft, Nike e Philips, além de jogos populares de estúdios como SEGA, Disney, Ketchapp e muitos outros.

O problema começou a afetar a loja de apps da Maçã no dia 23 de outubro e não havia sido resolvido até o começo desta semana. Como era de se esperar, inúmeros desenvolvedores foram para cima da Apple com paus e pedras em busca de uma resposta.

Indiretamente, a companhia afirmou para o blog Appfigures que tudo não passou de um erro e que, durante quase uma semana, estava em processo de restauração das avaliações de todos os apps afetados. Para o TechCrunch, a Maçã explicou que nenhuma das avaliações foram apagadas permanentemente e que na manhã de hoje todas elas já haviam sido restauradas.

As avaliações da App Store são uma maneira importante para os clientes compartilharem suas experiências sobre os aplicativos que baixaram. Durante a manutenção de rotina na App Store, tais avaliações foram temporariamente afetadas por um bug, que foi resolvido desde então. Embora nenhuma avaliação ou classificação tenha sido excluída, os dados exibidos aos usuários foram impactados por um período de tempo. Pedimos desculpas pelo transtorno causado. Todas as classificações e críticas foram restauradas.

O Appfigures descobriu que mais de 300 apps de 200 desenvolvedores foram acometidos pelo erro, resultando na eliminação de 22 milhões de avaliações desses apps. Em média, os softwares afetados tiveram uma queda de 50% na classificação em determinados países, como os Estados Unidos.

Classificação de apps após remoção de avaliações

Segundo a análise do Appfigures, o erro basicamente afetou todos os 155 países onde a App Store está disponível, com um impacto notável na China, no Reino Unido, na Coreia do Sul, na Rússia e na Austrália.

Nesse sentido, alguns aplicativos foram atingidos com mais força do que outros. O Hulu, por exemplo, perdeu 95% das classificações nos EUA, enquanto o Dropbox e o Chase Mobile perderam 85%. Várias empresas afetadas pelo erro disseram ao TechCrunch que a remoção da classificações não foram solicitadas, por isso a surpresa.

Que coisa…

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários