Waze agora mostra preços de pedágios no Brasil; Twitter, Nike Run Club e outros ganham novidades

E cá estamos nós de novo com as atualizações recentes mais importantes da App Store!

Publicidade

Vamos dar uma olhada nelas? 😉

Waze

Esta semana, o “GPS social” incorporou um recurso muito importante para os motoristas brasileiros: agora, o Waze mostra o preço de quaisquer pedágios que estejam no meio da sua rota escolhida.


Ícone do app Waze – GPS e Trânsito ao vivo

Waze – GPS e Trânsito ao vivo

de Waze Inc.

Compatível com iPadsCompatível com iPhones
Versão 4.64.2 (173.4 MB)
Requer o iOS 11.0 ou superior

Assim como as demais informações do app, os preços dos pedágios não contam com uma fonte central; em vez disso, as informações são fornecidas pelos próprios usuários. Vale notar que, ao digitar um destino no Waze, ele exibirá o gasto total previsto com pedágios em cada rota sugerida; não há, até o momento, uma forma de checar os preços exatos de cada pedágio no seu caminho.

Publicidade
Alerta de pedágios no Waze

É possível, no próprio aplicativo, avisar se você está numa moto, num táxi ou num carro, para que ele calcule a tarifa que você pagará de acordo com o tipo de veículo. Também dá para avisar caso você tenha um daqueles sistemas de cobrança automática no seu veículo; nesse caso, o Waze poderá indicar que faixa você deve tomar para passar direto pelos pedágios.

O recurso está sendo distribuído aos poucos para todos os usuários do Waze no Brasil, e deverá ser consolidado ao longo das próximas semanas.

Twitter para macOS


Ícone do app Twitter

Twitter

de Twitter, Inc.

Compatível com Macs
Versão 8.26 (33.8 MB)
Requer o macOS 10.15 ou superior

A versão revivida do Twitter para macOS, proporcionada pelo Mac Catalyst, mal chegou e já ganhou sua primeira atualização. Na versão 8.1, usuários poderão usufruir de novos atalhos de teclado e gestos do Magic Trackpad/Mouse, além de um menu de contas para que você alterne entre perfis com mais facilidade.

Publicidade

Há outras melhorias: quando em modo tela cheia, o aplicativo mostra o visualizador de mídias e a tela de escrita de tweets na janela principal, em vez de criar novas janelas; também é possível arrastar um vídeo para a janela de tweets para publicá-lo. Temos, ainda, outras correções de bugs e melhorias gerais de performance.

Outlook


Ícone do app Microsoft Outlook

Microsoft Outlook

de Microsoft Corporation

Compatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com Apple Watches
Versão 4.45.0 (317.8 MB)
Requer o iOS 12.0 ou superior

O cliente de email da Microsoft, por sua vez, está para ganhar alguns novos recursos importantes — vários deles em linha com as novidades do iOS/iPadOS 13. O aplicativo ganhará, por exemplo, suporte à Split View do iPad, para que você o abra junto a outros apps (ou abra duas instâncias do Outlook simultaneamente), por exemplo.

Também ganharemos suporte a drag & drop para inclusão rápida de texto, imagens e anexos às suas mensagens, e ao Modo Escuro. O app também receberá as pastas inteligentes já presentes no Outlook na web, bem como a integração com o LinkedIn e um novo não perturbe próprio. Segundo o The Verge, a atualização chegará “nas próximas semanas”.

Publicidade

Nike Run Club


Ícone do app Nike Run Club

Nike Run Club

de Nike, Inc

Compatível com iPhonesCompatível com Apple WatchesCompatível com o iMessage
Versão 6.9.1 (293.2 MB)
Requer o iOS 12.0 ou superior

O “auxiliar de corridas” da Nike ganhou uma boa novidade para donos de Apple Watches: agora, o aplicativo é completamente independente no watchOS, e você pode aproveitar todos os recursos sem necessariamente ter o relógio conectado ao iPhone.

É possível baixar o aplicativo na App Store do watchOS e configurá-lo totalmente na tela do relógio; em seguida, é possível usá-lo sem nenhuma mediação do smartphone. As novidades são restritas para quem já está rodando o watchOS 6, é bom notar.

AirBuddy

A nova versão do utilitário para macOS adiciona suporte aos AirPods Pro. Quem está rodando o macOS Catalina pode, também, experimentar o suporte (ainda experimental) ao Modo Escuro do sistema — é necessário rodar esse comando no Terminal, entretanto.

O AirBuddy, desenvolvido pelo brasileiro Guilherme Rambo, pode ser obtido na sua página no GumRoad pelo modelo “pague quanto quiser”; o valor mínimo de contribuição é de US$5.

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…