Como funciona o acompanhamento do ciclo menstrual do iOS e do watchOS

Autor convidado

Juliana Augusto

Tem 32 anos, é paulistana e product manager, trabalhando com produtos digitais desde 2008. É apaixonada por tecnologias, corrida e viagens.

Nos últimos três meses, tenho usado o recurso Acompanhamento de Ciclo (Cycle Tracking) do iOS e do watchOS para registrar e monitorar o meu ciclo menstrual e a minha fertilidade. Não é a primeira vez que uso serviços desse tipo via aplicativo (usei o Clue por um bom tempo) e confesso que a solução da Apple me surpreendeu demais em relação à experiência e às funções oferecidas. 

Acompanhamento de Ciclo

O Acompanhamento de Ciclo é uma função dentro do app Saúde (Health), que já existia nas versões mais antigas do iOS, porém agora ele traz algumas novidades no monitoramento da saúde da usuária. Uma delas é uma função que mapeia e monitora o fluxo menstrual e as mudanças no dia a dia do mês da mulher.

Observo, antes de continuar, que prefiro usar o iPhone e o Apple Watch configurados para o idioma inglês — mas esse novo recurso já está totalmente em português, também.

Como o Acompanhamento de Ciclo funciona?

Assim que começamos a usar o recurso, nos são pedidas informações gerais sobre o ciclo como: quantos dias dura o ciclo menstrual em média, qual a intensidade do fluxo e tipo de sintomas normalmente presenciados. Essas informações são todas registradas no seu perfil.

Já nesse início, o app lhe dá uma previsão de quando será o seu próximo ciclo e período fértil, mas sempre avisando que trata-se apenas uma previsão (ou seja, a Apple não se responsabiliza por qualquer imprevisto e a usuária não pode se basear apenas nessa informação). 

Então, quando o ciclo menstrual de fato chega, a mulher pode acrescentar informações sobre o ciclo dia a dia, tanto pelo iPhone quanto pelo Apple Watch (o que na minha opinião é incrível; falarei mais para frente sobre isso), tendo um registro das características e sintomas mês a mês. Assim, o Acompanhamento de Ciclo consegue ir melhorando a experiência ao longo do tempo com base nessas informações fornecidas pela mulher; ao passo que ela alimenta a base com dados, a função de previsão de inicio do ciclo e identificação de inicio e fim do período fértil fica mais apurada.

O que eu achei mais legal e diferente em relação a outras soluções desse segmento é que a mulher vai sendo avisada, por meio de notificações no iPhone e no Apple Watch, sobre quando o ciclo menstrual e o período fértil começam/terminam.

Acompanhamento de Ciclo

Mulheres sabem o quanto isso ajuda no dia a dia. Não sei vocês, mas eu sempre esqueço completamente quando essas coisas vão acontecer no meu mês e sempre sou pega de surpresa.

O recurso no Apple Watch

Falando especificamente do Apple Watch, esse pra mim é outro grande diferencial. Há um app Acompanhamento de Ciclo para ele, onde você pode fornecer todas as informações do seu ciclo e acompanhar as previsões pelo Apple Watch. Isso é realmente muito prático!

Quando eu estou no meu período menstrual, já acordo, visto o Apple Watch e registro as informações sobre o dia anterior diretamente no relógio, como mostram as telas abaixo:

Por fim, outra função interessante do Acompanhamento de Ciclo é a de estatísticas, pela qual é possível analisar os dados consolidados e filtrados por diferentes variáveis.

Eu ainda não tive a oportunidade de fazer isso, mas imagino que deve ser muito útil levar esses dados a uma consulta anual com o ginecologista. Desta forma, é possível verificar comportamentos e sintomas em comum e alguma possível característica que precise de mais atenção e que a paciente possa ter esquecido de mencionar.

·   •   ·

E você aí, está usando o recurso? Compartilhe a sua experiência abaixo!

Posts relacionados

Comentários