Mapas renovados da Apple já estão cobrindo quase metade dos EUA A promessa não foi cumprida, mas a Maçã está caminhando

Nem parece que já faz tanto tempo, mas lá se vai um ano e meio desde que a Apple anunciou a renovação completa dos seus Mapas com a inclusão de dados geográficos próprios e outras novidades. Se vocês bem se lembram, à época, a Maçã prometeu que a totalidade dos Estados Unidos estaria coberta pelo “novo” serviço até o final de 2019. Bom, aqui estamos — e a promessa, embora ainda não cumprida, está caminhando rapidamente.

Nas últimas semanas, os Mapas da Maçã fizeram mais expansões no território americano, passando a cobrir boa parte do Meio-Oeste e Noroeste Pacífico do país. Mais precisamente, esses são os estados e áreas agora cobertos (totalmente ou quase totalmente) pelo serviço renovado da Apple:

  • Virgínia Ocidental
  • Ohio
  • Michigan
  • Indiana
  • Norte do Ilinois
  • Colorado
  • Utah
  • Nevada
  • Wyoming
  • Idaho
  • Oregon
  • Montana
  • Washington

A quem interessar possa, o blogueiro Justin O’Beirne fez uma recapitulação completíssima do processo de expansão dos novos Mapas da Apple. De acordo com ele, a Maçã já está cobrindo 51,4% do território americano com o serviço renovado — e a expansão do último mês foi de longe a mais significativa já realizada, quase dobrando a área de cobertura disponível anteriormente.

Expansão dos Mapas da Apple

Já são, mais precisamente, 27 estados cobertos totalmente e 66% da população americana com sua área renovada nos Mapas. As dez maiores cidades dos EUA já receberam o novo serviço.

Vale dar uma olhada, também, em alguns GIFs comparando os mapas antigos com os novos:

Expansão dos Mapas da Apple
Expansão dos Mapas da Apple
Expansão dos Mapas da Apple
Expansão dos Mapas da Apple

A postagem de O’Beirne também aprofunda-se em alguns aspectos mais específicos dos novos Mapas da Apple, como a representação de vias arteriais e estradas secundárias — que, segundo ele, era muito mais visível nos primeiros territórios renovados pela Maçã, e agora fica oculta em zooms mais abertos. O blogueiro também nota que a Apple tem capturado prédios e outras edificações de forma muito mais fiel que o Google.

Resta saber, agora, quando é que tudo isso vai ser expandido internacionalmente.

via iMore

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários