Homem segurando iPhone

Com o iOS 13, a Apple aumentou o poder de controle dos usuários sobre seus dados, principalmente quanto aos serviços de localização. Anteriormente, diversos apps de terceiros poderiam rastrear usuários continuamente, mas no novo sistema operacional móvel da Maçã isso ficou um pouco mais restrito — para a infelicidade dos desenvolvedores.

De acordo com uma nova publicação do Wall Street Journal1, alguns criadores de apps estão preocupados com o fato de as notificações frequentes do iOS 13 “assustarem os usuários”. Isso acontece pois o sistema notifica periodicamente sobre apps que coletam a localização do dispositivo de forma contínua, exibindo um mapa com os dados obtidos.

Alertas de localização do iOS 13

Além de mais frequente, a Maçã também permite que o usuário redefina os ajustes de localização daquele app no próprio alerta. Nesse sentido, é possível garantir que o software tenha acesso permanente à sua localização ou, então, restringi-lo apenas para os momentos em que você está, de fato, usando o app.

Isso, no entanto, também tem incomodado alguns usuários: mesmo concedendo (voluntariamente) o acesso à sua localização por um app, esses alertas continuam aparecendo — ou seja, você será notificado periodicamente disso e deverá optar por manter aquela configuração ou alterá-la. Caso você escolha por fornecer a sua localização apenas durante o uso do app, esses alertas ocorrerão menos frequentemente.

A gigante de Cupertino afirmou para o WSJ que as alterações do iOS foram feitas para “proteger ainda mais a privacidade do usuário”. A empresa acrescenta, ainda, que esse é o princípio da companhia para construir seus hardwares e softwares.

A Apple não construiu um modelo de negócios para rastrear a localização de um cliente ou de seus dispositivos.

Com efeitos, os alertas do iOS 13 contribuíram na redução de cerca de 70% dos dados de localização que os apps coletavam em segundo plano (ou seja, quando o usuário não estava usando o app), segundo uma pesquisa da Location Sciences.

Outra mudança de privacidade recente exige que o usuário autorize (manualmente) o uso do Bluetooth por algum app; antes, qualquer app baixado no dispositivo poderia utilizar esse recurso sem que o usuário sequer soubesse.

via MacRumors

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários