Apple TV+ foi o serviço de vídeo que teve o menor ganho de usuários nas últimas semanas E acaba de sair, nos EUA, um novo programa de Oprah Winfrey

E o Apple TV+, hein? O serviço de conteúdo original da Apple está — assim como o resto do mundo — na tônica do Coronavírus (COVID-19).

Uma das suas maiores estrelas, a apresentadora e executiva Oprah Winfrey, acabou de lançar na plataforma um programa de entrevistas sobre a pandemia, mas o serviço da Maçã não parece estar “aproveitando” o momento de angariar novos assinantes.

Vejamos tudo isso nos próximos parágrafos.

Salto pequeno de assinantes

Com a pandemia, era de se esperar que serviços de streaming recebessem um salto no seu número de assinantes — afinal de contas, quanto mais gente em casa, maior a demanda por conteúdo de entretenimento. A expectativa se confirmou, mas, no caso da Apple, o salto não foi tão grande assim.

A Forbes publicou recentemente um levantamento do ganho de usuários dos principais serviços de streaming dos Estados Unidos nas últimas semanas, e chegou a um campeão claro: o Disney+, cujo número de novos assinantes triplicou entre os dias 14/3 e 16/3 em relação ao mesmo período da semana anterior. HBO NOW e SHOWTIME também aproveitaram o momento, com crescimentos de 90% e 78%, respectivamente.

App do Disney+

A Netflix viu um salto de 47% na comparação semanal, enquanto o Apple TV+ foi o serviço que obteve o menor crescimento na métrica: foram 10% de inscrições a mais no período em relação ao fim de semana anterior. Não há números em relação ao Amazon Prime Video.

É bom notar que a contagem da Forbes inclui as assinaturas de períodos gratuitos — quase todas as plataformas oferecem algum tempo de teste grátis antes que a mensalidade comece a ser cobrada; no caso da Apple, esse período é de uma semana (ou um ano, para compradores recentes de iPhones, iPads, Macs e Apple TVs). O levantamento nota que algumas dessas plataformas, em especial o HBO NOW e o SHOWTIME, verão uma queda no número de inscritos nas próximas semanas, justamente por conta dos consumidores que escolherão não seguir com os serviços após a “degustação”.

Ainda assim, as notícias não são exatamente animadoras para a Maçã. Claro, o Apple TV+ é, dos serviços supracitados, de longe aquele com a menor quantidade de conteúdo — e isso certamente é um fator determinante nos números. Ou seja… assim que esse momento de crise passar, é hora de Cupertino botar a mão na massa para encher a plataforma de novidades interessantes.

“Oprah Talks COVID-19”

De surpresa, Oprah disponibilizou no Apple TV+ os primeiros episódios de uma série de entrevistas sobre a pandemia do Coronavírus. A série “Oprah Talks COVID-19” traz conversas da apresentadora com figuras notáveis relacionadas à doença; o primeiro episódio mostra Oprah conversando com o ator Idris Elba (“The Wire”) e sua esposa, Sabrina Dhowre, ambos infectados com o vírus.

Ontem, @Oprah discutiu a COVID-19 com @IdrisElba no primeiro episódio de “Oprah Talks”. Confira no aplicativo Apple TV.

Compreensivelmente, a produção é bastante simples, resumindo-se a uma captura de tela da conversa de Oprah — que está em quarentena, como qualquer pessoa sensata que tenha condição de fazê-lo — com seus entrevistados via FaceTime. Isso, convenhamos, já é suficiente quando a conversa é interessante e as perguntas são relevantes.

Até o momento, já foram liberados quatro episódios da série. O segundo traz um papo com o pastor Wintley Phipps, enquanto o terceiro destaca uma entrevista com o médico Marco Vergano e a jornalista Monica Maggioni, ambos italianos; o quarto centra-se num papo de Oprah com o DJ D-Nice. Não há um anúncio de quando (ou se) outros episódios serão liberados.

“Oprah Talks COVID-19” está liberado gratuitamente para todos os usuários do aplicativo Apple TV, sem requerer uma assinatura do Apple TV+; até o momento, entretanto, a série está disponível apenas nos EUA — talvez por não ter sido legendada. Torçamos para que ela seja disponibilizada em outras regiões em breve!

Trailer de “Defending Jacob”

Falando em novidades interessantes, a Apple liberou recentemente o primeiro trailer de “Defending Jacob”, a nova minissérie de mistério estrelando o (ex-)Capitão América em pessoa, Chris Evans.

Co-estrelada por J.K. Simmons (“Whiplash”), Michelle Dockery (“Downton Abbey”) e Cherry Jones (“A Vila”), “Defending Jacob” segue a história do promotor de uma cidade pequena dos EUA que tem a vida virada de cabeça para baixo depois que seu filho adolescente é acusado de assassinato. A produção é baseada no romance de mesmo nome escrito por William Landlay.

Confiram o trailer abaixo:

Parece legal, não?

via AppleInsider, Cult of Mac

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários