Sempre que um novo hardware da Apple chega ao mercado, não demora muito para os caras da iFixit colocarem as mãos numa unidade e dissecá-la por completo para que tenhamos uma visão completa do interior do produto.

Publicidade

Foi exatamente isso que eles fizeram com o novo iPad Pro, que começou a chegar às mãos dos primeiros consumidores esta semana. Há alguns dias, eles já haviam desmontado também o novo MacBook Air.

O teardown, desta vez, foi publicado em vídeo:

Como esperado, o que temos aqui é uma geração meramente incremental à anterior, lançada no final de 2018. O modelo analisado foi o de 12,9 polegadas.

O processador A12Z Bionic não é muito diferente do A12X anterior e agora temos 6GB de RAM1 em toda a linha, portanto a maior diferença fica mesmo para o novo sistema traseiro de câmera dupla com o scanner LiDAR — que eles demonstram funcionando no vídeo, usando uma câmera que capta sinais infravermelhos, e comparam inclusive com o Face ID dos iPhones (o qual projeta bem mais pontos, visto que é usado para diferenciar rostos).

Devido ao uso excessivo de adesivos em seu interior, o novo iPad Pro, tal como seu antecessor, recebeu uma nota 3/10 na escala de reparabilidade da iFixit.

Teste de entortamento

Há alguns dias, quem também pôs as mãos numa unidade do novo iPad Pro foi o canal EverythingApplePro — e, antes de analisar o interior do tablet, eles resolveram realizar um teste de entortamento.

Também tal como a geração anterior, esse pedação de alumínio superfino não aguentou muita pressão:

Ao contrário da polêmica envolvendo iPhones que entortavam facilmente, anos atrás, nesse caso a Apple provavelmente não enxerga isso como um defeito do produto — e sim algo intrínseco à sua construção. Mesmo assim, algum tipo de novo reforço interno teria sido bem-vindo para evitar acidentes…

Para quem não quiser correr riscos, o ideal é usar o iPad Pro com alguma case que ofereça algum tipo de resistência extra a isso. Fica a dica.

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…