Desenvolvedoras rompem com Apple e Microsoft para formar grupo independente de lobbying A nova organização já começou a atuar no congresso dos EUA

App store

Talvez você nunca tenha ouvido falar da App Association, mas trata-se de um enorme grupo de desenvolvedoras que conta com apoio da Apple e da Microsoft, e tem como objetivo defender os interesses das companhias no congresso dos Estados Unidos — ou, em outras palavras, mostrar aos congressistas a importância da economia dos apps, passar leis que beneficiem o segmento e por aí vai.

Publicidade

Pois recentemente, de acordo com a Bloomberg1, nove das empresas anteriormente associadas à App Association resolveram romper com o grupo (e, consequentemente, com a Apple e a Microsoft). As companhias formaram uma associação própria, chamada de App Coalition, para defender seus interesses no jogo político americano.

Entre as companhias “dissidentes”, temos algumas desenvolvedoras de aplicativos deveras populares na App Store e no Google Play — podem ser citadas, por exemplo, a Priceline, a OpenTable e o Kayak, além da Perry Street Software, que gerencia uma série de aplicativos de namoro. Outra cofundadora da App Coalition é a Blix, desenvolvedora do BlueMail que fez diversas acusações sérias acerca da Apple nos últimos meses por conta de uma briga judicial entre elas.

O CEO da Perry Street, Eric Silverberg, afirmou o seguinte sobre as operações do grupo:

Publicidade

A diferença entre o nosso grupo e o outro [a App Association] é que eles são financiados pela Apple, pela Microsoft e outras grandes empresas de tecnologia e plataformas de aplicativos. Nós esperamos que possamos ter os mesmos objetivos e estamos ansiosos para trabalhar com eles. Mas não é de lá [das grandes empresas] que o financiamento para o nosso trabalho virá.

Em outras palavras, a declaração do executivo deixa evidente que a App Coalition tem todas as intenções de trabalhar com a App Association para defender interesses comuns da indústria dos aplicativos — mas mostra que, caso haja um conflito de interesses, as empresas da nova associação terão todas as condições de pressionar os legisladores por conta própria.

De fato, o lobbying já começou: na última quarta-feira, a App Coalition enviou um documento ao congresso dos EUA pedindo que startups e empresas de apps possam ter acesso a empréstimos e auxílios destinados a outros segmentos da economia para contenção dos efeitos do novo Coronavírus (COVID-19). Ainda não se sabe se o pedido será acatado, entretanto.

via iMore

Publicidade
Taggeado:

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…