Melhor do que publicidade paga é aquela que vem de graça, e disso a Apple entende muito bem.

Publicidade

Agora (e pela segunda vez), os produtos da Maçã foram enaltecidos pelo ex-chefe da divisão do Windows, Steven Sinofsky, que apresentou seu novo “PC desktop” no Twitter: o iPad Pro.

Novo PC desktop.

Ironicamente, foi ele que desdenhou do iPad mini, em 2012, chamando a versão menor do tablet da Maçã de “recreativo”.

Embora alguns possam questionar a utilização do conceito “PC” para o tablet topo-de-linha da Apple, há uma simetria agradável na definição de Sinofsky.

Publicidade

O setup do ex-executivo da Microsoft custou cerca de US$1.500 — que é muito dinheiro para gastar em um PC com uma tela do tamanho da do iPad Pro; obviamente, o iPad ainda pode ser usado como tablet, também. 😛

Veja, a seguir, o que ele usou para criar seu ambiente de trabalho:

Sinofsky passou mais de 20 anos na Microsoft, tendo sido chefe da divisão do Windows antes de deixar a empresa, em 2012. Alguns anos antes, ele foi encarregado de adaptar o Windows para uma versão sensível a toques — para bater de frente com a Apple, que havia acabado de lançar o iPad original.

Publicidade

Embora o Windows 8 não tenha sido um sucesso, Sinofsky “pavimentou” o caminho para o surgimento do Windows 10, alguns anos depois.

E então, o que acharam?


iPads Pro de 11″ e 12,9″

de Apple

Preço à vista: a partir de R$7.649,10
Preço parcelado: em até 12x de R$708,25
Cores: cinza espacial ou prateado
Capacidades: 128GB, 256GB, 512GB ou 1TB
Lançamento: março de 2020

Botão - Comprar agora

via Cult of Mac

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…