Quarentena: “Late Night with Seth Meyers” está sendo gravado com câmera frontal do iPad Pro Quase toda a produção está sendo realizada em produtos e serviços da Apple

Gravação do "Late Night With Seth Meyers" com iPad Pro

Já falamos aqui de um punhado de séries e programas de TV que, durante o atual período de isolamento social, passaram a ter suas gravações realizadas com iPhones, nas casas de suas estrelas e participantes. O caso do “Late Night with Seth Meyers”, por outro lado, é um pouco diferente: o apresentador resolveu recorrer ao seu iPad Pro para seguir com o programa de entrevistas.

Publicidade

O Los Angeles Times publicou uma reportagem mostrando como a equipe do programa adaptou-se à nova rotina de gravações remotas, iniciada no último dia 30/3. E mesmo sem participação “oficial” da Apple (como no caso de “American Idol”, por exemplo), a produção adotou um modus operandi quase totalmente baseado em produtos e serviços da Apple.

O apresentador Seth Meyers, por exemplo, recorreu ao iPad Pro — mais especificamente, à câmera frontal do tablet, que tem qualidade inferior em relação às câmeras traseiras mas permite que ele grave seus monólogos e entrevistas enquanto roda um aplicativo de teleprompter1 na tela do dispositivo. O “estúdio” caseiro de Meyers, montado no sótão da sua casa, conta simplesmente com o iPad preso a um tripé, uma cadeira e algumas luzes.

O áudio, por sua vez, é capturado com uma ajudinha do seu iPhone — mais precisamente, por meio de um microfone ClipMic Digital, da Sennheiser, conectado ao smartphone de Meyers por um cabo Lightning. Após a gravação, o apresentador passa os arquivos de áudio e vídeo para o seu Mac, via AirDrop, e faz o upload deles no Dropbox para que os editores do programa possam colocar a mão na massa.

Publicidade

Mais difíceis de adaptar para a realidade doméstica foram as entrevistas realizadas diariamente por Meyers. Os quadros são capturados pelo Zoom, onde Meyers, o entrevistado do dia e os produtores do programa juntam-se; cada produtor, então, grava as telas de um dos “lados” da entrevista, enviando os arquivos para a equipe de edição juntar tudo num clipe coeso.

Gravação do "Late Night With Seth Meyers" com iPad Pro

Até mesmo a banda 8G, que toca no programa, resolveu recorrer aos produtos e serviços da Apple: após uma discussão em vídeo no aplicativo Houseparty, para decidir quais serão as músicas tocadas naquele dia, cada membro toca seus instrumentos individualmente (quase sempre com uma ajudinha do GarageBand), envia para a equipe de mixagem, recebe o áudio final de volta e se grava tocando os instrumentos em frente à câmera do iPhone.

Obviamente, a grande mudança em relação à versão “comum” de “Late Night with Seth Meyers” é que, nas edições domésticas, o programa não é transmitido ao vivo. A equipe afirma, entretanto, que o método de produção adotado permitiu que o apresentador, os membros da equipe e os entrevistados realizem as filmagens basicamente no mesmo dia da exibição do programa, mantendo os assuntos sempre atualizados — uma característica crucial dos programas de entrevista.

Publicidade

Muito legal, não?


iPads Pro de 11″ e 12,9″

de Apple

Preço à vista: a partir de R$7.649,10
Preço parcelado: em até 12x de R$708,25
Cores: cinza espacial ou prateado
Capacidades: 128GB, 256GB, 512GB ou 1TB
Lançamento: março de 2020

Botão - Comprar agora

via The Verge

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…