Se você tem a mesma sorte que eu, vai pegar um conta-gotas, pingar 3 gotinhas no iPhone e ele simplesmente vai parar de funcionar. Mas, felizmente, existem pessoas mais sortudas no mundo. 😛

Publicidade

É o caso do Ben Schofield, um marinheiro inglês de 35 anos que deixou seu iPhone X cair na água enquanto trabalhava em um navio-museu chamado Regal Lady, um dos muitos que foram a Dunquerque (norte da França), em 1940, resgatar as tropas aliadas — história retratada no filme “Dunkirk”, do diretor Christopher Nolan.

O episódio aconteceu em Scarborough, cidade litorânea que fica no condado de North Yorkshire. O iPhone ficou quase uma semana no fundo do mar (mais precisamente 6 dias), a cerca de 15 metros de profundidade.

Ao recuperar o aparelho, ele estava completamente coberto de lama. Mas bastou limpar tudo e secá-lo para que tudo voltasse ao normal.

Publicidade

Eu fui mostrar o equipamento ao meu chefe e o senti vibrar na minha mão. Para minha surpresa, ainda estava funcionando.

Tinha apenas 3% de bateria, eu liguei e comecei a recarregá-lo. Tudo estava funcionando. Contatei a Apple e eles não podiam acreditar. Acharam que a areia pode ter preenchido as entradas e isso preservou o equipamento.

Vale notar que o iPhone X tem a certificação IP67, ou seja, ele é oficialmente capaz de ficar submerso por até 30 minutos a no máximo 1 metro de profundidade. Bem, definitivamente esse não foi o caso — para a felicidade de Schofield. 😊

dica do Luan, via O Dia

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…