Linha de produtos Apple cobertos pelo AppleCare+

Todo mundo que já adquiriu ou já pensou em adquirir o AppleCare+, o serviço de garantia estendida da Maçã que também protege o aparelho contra danos acidentais1, sabe que o processo pode ser realizado no ato da compra do dispositivo ou até 60 dias (dois meses) após essa data. Pois agora, aparentemente, a Apple está para expandir significativamente essa janela.

Publicidade

De acordo com a Bloomberg2, a empresa passará a permitir — nos Estados Unidos e no Canadá, por enquanto — que o AppleCare+ seja adquirido até um ano após a compra de um determinado dispositivo. A Maçã já estaria distribuindo um comunicado informando a mudança aos seus empregados das áreas de varejo e de suporte ao consumidor.

Segundo o comunicado, o período estendido de compra do AppleCare+ estará disponível para consumidores que façam a aquisição avulsa (em pagamento único) ou para quem optar por fazê-lo por meio de prestações no Apple Card. A Apple oferece também a opção de pagar pelo AppleCare+ em parcelas mensais, mas — ao menos inicialmente — essa modalidade não será coberta pela nova janela de um ano.

A medida, aparentemente, tem a ver com a queda nas vendas do AppleCare+ — recentemente, Tim Cook informou que, por conta da pandemia do novo Coronavírus (COVID-19), a demanda pelo serviço de garantia estendida da Apple caiu.

Como funciona?

O AppleCare+, como já explicamos algumas vezes, funciona como um plano de garantia estendida com benefícios especiais. Além de ter a garantia do seu dispositivo coberta por um ou dois anos extras, o usuário pode pagar valores especiais por determinados danos acidentais — caso seu iPhone tenha AppleCare+, você pode trocar uma tela quebrada por apenas US$30, por exemplo, ou o aparelho todo pagando US$100.

Oficialmente, a Maçã não oferece a venda do AppleCare+ no Brasil, mas é possível adquirir o plano pela internet (ainda que não seja uma coisa simples — nós damos o caminho das pedras nesse artigo). Mesmo sem a venda, a Apple presta suporte a aparelhos cobertos pela garantia estendida no Brasil, seja nas suas lojas oficiais ou nos Centros de Serviço Autorizados — e a melhor parte é que, por questões burocráticas, no Brasil sequer há a cobrança da taxa de serviço, então você poderá trocar a tela quebrada ou o seu iPhone por completo gratuitamente, caso ele esteja coberto pelo serviço.

Publicidade

Você pode adquirir planos do AppleCare+ para basicamente qualquer produto da Apple, de iPhones até AirPods. Os preços variam bastante: para um iPhone 11 Pro Max, o plano sai por US$200 comprado de forma avulsa; no caso dos AirPods ou alguns fones da Beats, o serviço sai por US$30.

Para iPhones, há ainda a opção (mais cara) do AppleCare+ with Theft and Loss, que, além da garantia estendida e dos reparos a danos acidentais, traz também proteção a roubos e perdas de aparelhos. Essa modalidade, entretanto, não é recomendada para quem mora fora dos Estados Unidos, pois esse “seguro” especificamente só é válido em território americano.

via 9to5Mac

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…