YouTube já está trabalhando no Picture-in-Picture (PiP) do iOS 14

Embora o recurso Picture-in-Picture (PiP) só esteja chegando a iPhones este ano com o iOS 14, ele já existe no iPad há anos e, mesmo assim, o Google nunca se importou de implementar suporte a ele no app do YouTube.

Publicidade

Pois parece que, com a coisa mais disseminada agora, eles repensaram essa ideia. Já há vários usuários rodando betas do iOS 14 que conseguiram, em certos vídeos, ativar o modo PiP.

O funcionamento dele é exatamente como esperado: enquanto você está assistindo a um vídeo dentro do app, se retornar à tela de início o vídeo é automaticamente posicionado no canto da tela, numa janela compacta/flutuante que pode ser manipulada à vontade.

Embora essa implementação no YouTube ainda não tenha sido prometida/anunciada oficialmente pelo Google, uma coisa é certa: apenas assinantes do YouTube Premium poderão desfrutar da funcionalidade, visto que é só com ele que é possível reproduzir vídeos em plano de fundo — e o Google também não teria que se preocupar com a implementação de propagandas no player nativo de PiP do iOS.

Publicidade

Independentemente dessa possível implementação no app nativo do YouTube, a boa notícia é que quem acessar vídeos dele pelo Safari já pode usar o PiP na boa. Não é tão conveniente, mas rola.

Vale lembrar que, no iOS 14, no iPadOS 14, no macOS Big Sur e no tvOS 14, pela primeira vez Apple e Google resolveram uma incompatibilidade de anos envolvendo o codec VP9 e, a partir de agora, vídeos em 4K e/ou HDR do YouTube são totalmente suportados pelo Safari. Aleluia!


Ícone do app YouTube

YouTube

de Google LLC

Compatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com o iMessageCompatível com Apple TV
Versão 15.38.2 (242 MB)
Requer o iOS 11.0 ou superior

via 9to5Mac

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…