Ações da Apple se dividem em 4 e batem novo recorde histórico [atualizado]

Já virou até clichê: mais uma semana, mais um recorde quebrado pela $AAPL. E hoje com um diferencial, já que o processo de divisão das ações, anunciado recentemente pela Apple, foi completado — desta forma, quem tinha uma ação da Apple agora passou a ter quatro.

Publicidade
As ações da Apple serão negociadas com base na quinta divisão. Se a Apple nunca tivesse se dividido, a empresa estaria cotada a cerca de US$28 mil por ação.

Dito isso, vamos ao resultado recorde: as ações fecharam o dia em alta de 3,39%, valendo US$129,04 (equivalente a US$516,16, antes da divisão) — durante as negociações, a máxima atingida foi de US$131, também uma marca histórica.

Ações da Apple (31/8/2020)

O resultado de hoje fez o valor de mercado da companhia saltar para incríveis US$2,207 trilhões — bem à frente da Amazon (que hoje vale US$1,729 trilhão) e da Microsoft (que tem um market cap de US$1,707 trilhão).

Vale notar que altas assim depois de uma divisão são “normais”. Isso porque, com as ações mais acessíveis, o preço acaba chamando a atenção de novos investidores que não cogitavam comprar papéis da empresa anteriormente — ainda que seja possível comprar frações de ações usando diversos apps/serviços.

Publicidade

Será que a marca dos US$3 trilhões está próxima?!

Atualização 01/09/2020 às 17:35

Mais um dia de alta forte da $AAPL na NASDAQ. E o que isso significa? Recorde!

Publicidade

As ações subiram hoje 3,98%, valendo US$134,18 (se fosse antes da divisão, o valor seria de US$536,72). Durante o pregão, a máxima histórica foi de US$134,80.

Com o resultado de hoje, o market cap da empresa está agora em US$2,295 trilhões. 🤯

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…