Google alerta desenvolvedores sobre recursos de rastreamento de anúncios do iOS 14

O Google anunciou, em uma nova página de suporte para desenvolvedores, o suporte à API1 Identifier for Advertisers (IDFA), o código identificador de anunciantes assinado pela Apple para “rastrear” um usuário por meio de diferentes páginas e aplicativos no iOS.

Publicidade

Como parte do iOS 14, porém, desenvolvedores podem optar por implantar a nova estrutura de transparência de rastreamento de aplicativos. Além disso, o recurso virá desligado por padrão na futura versão do sistema operacional móvel da Apple; portanto, usuários precisarão necessariamente conceder permissão para receber anúncios personalizados.

Anúncios no iOS 14

Caso desenvolvedores adotem essa API em seus apps, o Google recomenda que eles insiram um alerta imediatamente antes do aviso de privacidade (como definido pelo framework App Tracking Transparency, da Apple), dando detalhes sobre como os dados dos usuários são usados e como eles podem optar pelos anúncios personalizados.

Para gerar receita com publicidade personalizada no iOS 14, o SDK2 de anúncios móveis do Google exige tanto a ATT quanto o IDFA. Conforme observado pela empresa, eles também oferecem suporte ao SKAdNetwork, além de operar seu próprio sistema de rastreamento no Android.

O Google está, no entanto, monitorando a situação e pode modificar seus protocolos dependendo da resposta que ele e os anunciantes parceiros receberem dos usuários quando o iOS 14 for lançado para todos — uma vez que, assim como reclamado pelo Facebook, há a possibilidade de as mudanças definidas pela Apple reduzirem as receitas obtidas com anúncios.

via Ad Exchanger

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…