Protect Scotland, app de alerta de exposição ao Coronavírus da Escócia

O mundo já começa a dar sinais de um movimento de volta à normalidade (em uns lugares mais que outros, naturalmente), mas isso não significa que o novo Coronavírus (COVID-19) tenha se escafedido: até que chegue a tão esperada vacina, ainda precisamos tomar todas as precauções necessárias e praticar o máximo possível de isolamento social.

Publicidade

Por isso, vários países continuam lançando seus aplicativos próprios de rastreamento e alerta de contato com pessoas infectadas — integrados, claro, à API desenvolvida em conjunto pela Apple e pelo Google. O exemplos mais recentes vêm do Reino Unido.

Inglaterra e País de Gales

O governo britânico anunciou que a Inglaterra e o País de Gales receberão um app unificado de alerta de contato, a ser lançado no dia 24 próximo. O aplicativo foi desenvolvido pela NHS (National Health Service, o sistema de saúde público universal do país) depois de meses de idas e vindas, em que o Parlamento Britânico não decidia se iria adotar ou não a API da Apple e do Google.

O aplicativo trará algumas cartas na manga não muito comuns para apps do tipo: usuários poderão, por exemplo, escanear códigos QR para registrar visitas a determinados locais de alta concentração (como hospitais, shoppings, restaurantes ou centros empresariais), ajudando as autoridades a monitorar a disseminação do vírus.

Escócia

Separadamente, a Escócia anunciou a chegada do seu próprio aplicativo, o Protect Scotland.

Desenvolvido pela sucursal local da NHS, o app tem as funcionalidades já esperadas da categoria: é possível adicionar resultados de testes, ligar ou desligar as notificações de exposição e obter dicas de como proceder caso você esteja com sintomas da COVID-19. O aplicativo já está disponível na App Store e no Google Play.

Vale lembrar que, para brasileiros, o aplicativo Coronavírus – SUS já está integrado desde o mês passado à API da Apple e do Google; Portugal também já tem o seu próprio app, assim como dezenas de outros países ao redor do mundo. E, como sempre dizemos, quanto mais gente usar, melhor.

via 9to5Mac

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…