Apple e Epic Games não querem julgamento por júri Em ao menos uma coisa, as empresas concordaram nessa briga

Epic Games vs. Apple

No último episódio da disputa entre Apple e Epic Games (envolvendo a retirada do jogo Fortnite da App Store e do bloqueio da conta de desenvolvedora da Epic por ter implementado um sistema de pagamento próprio no app), a juíza responsável pelo caso sugeriu que a batalha fosse levada a júri popular, o que aconteceria não antes de julho de 2021.

Publicidade

Para isso, contudo, ambas as empresas deveriam concordar com a decisão, o que não aconteceu.

Pois agora a Apple e a Epic informaram que conversaram e concordaram em ao menos uma coisa: o caso deverá ser julgado pelo tribunal, em uma data a ser determinada.

No começo, ao responder as acusações da Epic, a Apple até pediu um julgamento por júri. Mas como a juíza que supervisionava o caso disse que não queria julgar dois casos separados, a empresa retirou esse pedido.

Publicidade

Pelo visto, tanto a Apple quanto a Epic estão confiantes de que o tribunal entenderá sua argumentação e ficará ao seu lado. Resta, é claro, saber quem levará a melhor nessa disputa para lá de importante que determinará a continuidade — pelo menos da maneira que conhecemos — da App Store e do modelo de negócio da Maçã.

via MacRumors

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…